• Marcelo Camargo

Margem de Contribuição - Uma ótima ferramenta para acompanhar suas vendas!



Já parou para pensar em quantas informações uteis a contabilidade pode te dar, sobre a sua empresa? Não?! Pois é, você não é o único.

São tantas informações ao longo do dia, que acabarmos negligenciando a contabilidade, mas ela pode ser uma excelente ferramenta para trazer informações necessárias para que o processo de tomada de decisão seja feito de maneira eficiente!

Para isso, a contabilidade da empresa precisa estar em dia e feita de maneira adequada, o que nem sempre é o que acontece. Nos deparamos com empresários que não recebem a contabilidade num prazo razoável ou que os saldos da conta “Caixa” são muito elevados, fruto da não contabilização correta de algumas despesas. Não podemos então tomar decisões sobre um balancete emitido muitos meses depois do período analisado, ou que as despesas não estão corretamente classificadas.

Partindo do pressuposto de que a contabilidade de sua empresa é de boa qualidade, e está sendo processada em tempo razoável, vamos usá-la como ferramenta, para extrair informações relevantes. E olha, são inúmeras essas informações que um empresário pode tirar da sua contabilidade, algumas mais relevantes e outras menos, dependendo do tipo do seu negócio. Nosso conselho é que você sempre converse com o seu contador e juntos estabeleçam quais são as informações que você gostaria de receber mensalmente.

Para uma empresa comercial, por exemplo, uma informação de extrema importância é a Margem de Contribuição, que nada mais é a diferença entre o valor de venda de mercadoria, menos os custos de aquisição e gastos necessários para disponibilizar a mercadoria para venda (frete, por exemplo), que denominamos custo das mercadorias vendidas.

Imagine, por exemplo, que o valor das vendas de sua empresa em um determinado mês foi de R$ 1.000,00 e que, o valor do custo das mercadorias vendidas soma R$ 700,00, então sua empresa tem uma margem de contribuição de R$ 300,00, ou 30% das vendas. É com essa “sobra” que todas as outras despesas (salários, energia, telefone, pró-labore, etc.), serão pagas e, por isso, controlar esse número é muito importante.

Novamente imagine que, no segundo mês, você faça uma promoção para alavancar as vendas, concedendo 30% de desconto. Essa ação reflete em um aumento de 50% nas vendas neste mês, chegando à R$ 1.500,00. Na mesma proporção, os custos das mercadorias vendias somam R$ 1.000,00. Parece que sua ação resultou em sucesso, mas ao contabilizar o desconto que concedeu, verá que nem tanto:

Valor da venda: 1.500,00

(-) Desconto: 450,00

(-) Custos das mercadorias vendidas 1.000,00

(=) Margem de contribuição 50,00 (3,33% das vendas).

Então fica essa dica, controle o histórico desse indicador todos os meses e verifique se o seu aumento de vendas está acompanhado de aumento da margem de contribuição!

Para mais dicas como essas, fique de olho toda segunda aqui no nosso Blog!


2 visualizações

Rua.Senador Dantas, 20 -  sala 904

Centro - Rio de Janeiro (RJ)

(21) 2277-5950

contato@jcomcontabilidade.com.br